Páginas

segunda-feira, 14 de novembro de 2011

Vamos ter um bebê, e agora?

Muitas são as dúvidas e mitos que envolvem uma gravidez. Não importa se a mãe é de primeira viagem ou se já tem herdeiros na linhagem, a questão é que, pulgas atrás da orelha sempre hão de surgir e, na suspeita, vale aquela máxima: melhor não fazer, não é? Nem sempre...

Certos folclores não têm razão de ser e são apenas invencionices populares, sem pé, nem cabeça. Em outras ocasiões, alguns questionamentos a respeito da gestação e o período pós-parto são realmente válidos, podem até ter um fundo de verdade, mas ainda inspiram mais explicações. Pensando nisso, a editora Lua de Papel lançou o livro “Vamos ter um bebê”, dos renomados médicos norte-americanos Dr. Michael Roizen e Dr. Mehmet C. OZ.

A publicação é um guia para orientar os pais na chegada de um membro – ou mais um membro – na família. Lá, é possível esclarecer lendas, como se o fato de que comer comidas picantes pode alterar o paladar do bebê; passando por questionamentos mais simples, como o que fazer na primeira noite da criança em casa; até questionamentos mais sérios, como quais os principais sintomas da depressão pós-parto e se grávidas podem ir ao dentista e sob quais condições.

Mas o livro esclarece ainda muito mais. Os autores discorrem a respeito das mudanças corporais e hormonais que acontecem no corpo da mamãe e sobre o crescimento e desenvolvimento do bebê, exercícios físicos e sexo na gravidez.

“Vamos ter um bebê” traz também testes que vão ajudar a família, por exemplo, a desvendar quais as maiores dúvidas com relação à criação dos filhotes e um calendário para que as mamães façam anotações sobre suas experiências ao longo das 40 semanas de gestação.

Você encontra o livro “Vamos ter um bebê” nas lojas do ramo em todo o Brasil.