Páginas

quarta-feira, 9 de maio de 2012

Grandes pratos para pequenos comilões

Toda mãe sabe que os cardápios de restaurantes, cujos pratos são elaborados com ingredientes diferentes daqueles que o filho está acostumado, precisam ter algo sob medida para as crianças mais resistentes e adeptas do sempre “arroz, bife e batata frita” e um “macarrãozinho com molho de tomate”. Por conta disso, alguns restaurantes oferecem cardápios especiais para a garotada, os famosos kids menu. Assim, ninguém fica insatisfeito. Os pais têm a possibilidade de desfrutar das delícias de um determinado restaurante, sem deixar as crias de barriga vazia (ou cara feia)!

Junmai (SP)
Muitas crianças fazem torcem o nariz quando os pais tentam fazê-las provar pratos japoneses por possuírem verduras, legumes e, claro, o alimento mais característico: peixe cru. Para reverter essa situação, a solução encontrada pelo chef Shundi Kobayashi, do restaurante Junmai, foi criar pratos visualmente atraentes para que os pequenos sentissem vontade de provar a comida e inserir elementos mais conhecidos – e queridos – da galerinha. A iniciativa tem dado certo. “Utilizei a criatividade na hora de harmonizar e elaborar os pratos, e dei um toque especial no sabor dos alimentos. Depois que fiz esses incrementos, os pequeninos passaram a degustar pratos japoneses com mais frequência”, explica o chef. No cardápio, as crianças podem escolher salmão flakes (salmão empanado com corn flakes), salmão shin (trouxinha de salmão) ou um dos tradicionais pratos japoneses (sushi, sashimi, shakemaki e temaki), que para as crianças são feitos em tamanho reduzido.
Mais informações: (11) 5093-8706

Le Manjue Bistrô (SP)
Organiburger, Massa da pracinha, Naanburguinho. Esses nomes fofos e curiosos são alguns dos itens do cardápio Organikids, do Le Manjue Bistrô. Como o próprio nome já diz, o menu do restaurante é voltado para a gastronomia orgânica, e o chef Renato Caleffi não poderia deixar os pequenos fora dessa boquinha. Cores, texturas e elementos lúdicos fazem parte dos pratos, que estimulam as crianças, desde cedo, a criarem o hábito de consumir alimentos orgânicos. O Organiburger é composto por hambúrguer, arroz, batatas coradas e ervilhas. Acompanha mini potinho de feijão e geleia de tomate. O Massa da pracinha inclui espaguete ao sugo e iscas de filé mignon. Já o Naanburguinho é feito com hambúrguer, pão de naan (tipo de pão indiano) e queijo derretido. Acompanha batatas coradas.
Mais informações: www.lemanjuebistro.com.br

Market Ipanema (RJ)
O cardápio infantil do Market Ipanema já chega à mesa em forma de brincadeira, pois as crianças podem colorir as páginas e jogar o tradicional joguinho dos cinco erros enquanto esperam a comida. A chef Carolina Figueiredo combina alimentos saudáveis com opções divertidas para instigar as crianças a provarem os pratos. Um deles é o “purê super poderoso”, que leva espinafre e tem uma apresentação visualmente atraente. “A apresentação do cardápio deve ser divertida e a estética do prato também é importante. Precisamos inserir cores e formatos diferentes no cardápio, para que as crianças comam bem, brincando”, explica a chef.
Mais informações: www.marketipanema.com.br

Viena (SP/RJ e outras cidades)
O Franguinho Pipoca – nuggets de frango em formato de pipoca, acompanhados de arroz, ovos de codorna e um saboroso molho rosé, que é colocado no prato em formato de carinha sorridente -, é um dos pratos que fazem sucesso entre os pequenos visitantes do Viena. Elaborado com detalhes que agradam as crianças, como formas lúdicas e muitas cores, o cardápio kids foi planejado pela chef Camila Prado, que decidiu romper com a resistência de alguns pequenos e introduzir um menu atrativo e saboroso: “O restaurante é um bom local para apresentar à criança sabores e texturas diferentes de modo que ela sinta prazer em experimentar comida, sem nenhum tipo de preconceito”, explica a chef.
Mais informações: www.viena.com.br

Legenda da foto: O prato infantil Organiburger, do restaurante Le Manjue Bistrô
Crédito da foto: Tadeu Brunelli