Páginas

segunda-feira, 16 de setembro de 2013

Errar pode ser um aprendizado divertido


Uma menina que nunca, nunca mesmo, deu uma mancada na vida: Beatriz era perfeita. Nunca se esqueceu de fazer lição de matemática, nunca usou meias descombinadas, sempre venceu o concurso anual de talentos na escola. Com isso, a menina detinha o recorde de perfeição em sua cidade, onde era conhecida como “A menina que não dá mancada”, título do livro dos americanos Gary Rubinstein e Mark Pett, que chega agora ao Brasil pela Autêntica Editora, com tradução de Cristina Antunes. A vida de Beatriz ia muito bem até que aconteceu o impensável: ela deu a primeira mancada... E de uma forma absolutamente pública!

Beatriz vivia em função de ser perfeita e nunca errar. Carlos, seu irmão menor, entretanto, faz tudo errado e, o pior, adora cometer absurdos, como mastigar giz de cera e desenhar com as vagens. Porém certo dia, na aula de culinária, Beatriz quase cometeu seu primeiro vacilo, quando escorregou e os ovos que segurava voaram pelos ares. Mas, não cometeu: com sua incrível habilidade de malabarista, pegou os ovos no ar.

Porém, apesar de ter evitado o “vacilo”, o episódio perturbou a menina. Naquele mesmo dia, Beatriz participaria de mais um concurso de talentos na escola. Tinha tudo para ser perfeita novamente, mas algo acabou dando errado, em frente a uma plateia lotada.

Leitura obrigatória para as crianças muito perfeccionistas, “A menina que não dá mancada” mostra que Beatriz é perfeitamente... Imperfeita.  A história traz uma lição de aceitação dos próprios erros: aprender com eles, relaxar e rir de si mesmo. Afinal, errar também pode ser divertido!

Os autores

O escritor e ilustrador americano Mark Pett vive no Mississipi com a esposa, dois filhos e um cachorro. Já ilustrou diversos livros infantis e é o criador das tirinhas em quadrinhos Mr. Lowe e Lucky Cow. Já Gary Rubinstein divide seu tempo entre as funções de comediante e professor de matemática, e já escreveu dois livros para orientação de professores. Vive em Nova York com a esposa e a filha.

#ficaadica

A menina que não dá mancada
Autores: Gary Rubinstein e Mark Pett
Ilustração: Mark Pett
Tradução: Cristina Antunes
Número de páginas: 32
Indicação leitora: a partir de 8 anos